sábado, 15 de agosto de 2009

Nothing but words... II

sinto teu cheiro pós-banho do balcão do bar
enquanto degusto meu Jack&Coke semanal
essa perfeita e singela combinação
pode vir a ser fatal, o que não seria nada mal

dentre tantas mesas de sinuca
luzes fluosforescentes, pessoas recorrentes
direciono o foco sempre para onde estás
e te rastreio com meu feromônio voraz

voracidade esta, de sentidos nada racionais,
muitas vezes banais.
culpa do teu sotaque que não deixa meus tímpanos em paz
e dos sonhos noturnos em que insaciavelmente peço mais.

e agora meu rapaz?
te nomeio meu capataz ou me recolho humildemente como uma nobre faz?
só respondo depois da segunda dose,
aquela que me prometestes duas horas atrás.